sexta-feira, 26 de agosto de 2016

TER O CORAÇÃO DE JESUS NOS FARÁ OLHAR ÀS PESSOAS COMO ELE OLHAVA


INTRODUÇÃO: TEXTO BÍBLICO: Mateus 14:13-16

1. Pequenos detalhes na vida cristã fazem grandes diferenças para o bem ou para o mal na vida alheia.
2. Pequenos detalhes, como a nossa forma de olhar ou aproximar-se das pessoas por quem Cristo deu Sua vida, vai atraí-las a Cristo ou inibi-las de aceitá-lO.
3. Pequenos detalhes demonstrados por Jesus devem orientar-nos a fim de que obtenhamos grandes resultados missionários.

I. AMAMOS ENQUANTO VEMOS A NECESSIDADE DO PRÓXIMO, INDEPENDENTE DO LUGAR EM QUE ELE SE ENCONTRA – Mateus 14:14-16

1. Precisamos aprender como cristãos, a olhar as pessoas como Cristo olhava. Essa lição Ele queria que Seus discípulos antigos e modernos aprendessem.
2. Precisamos entender que hoje, cada cristão é uma extensão de Cristo no mundo. Se Jesus despedisse as multidões como sugerido pelos discípulos, o número de interessados cairia.
3. Precisamos olhar como Jesus, amar como Jesus e agir como Jesus em relação às necessidades físicas, emocionais, sociais e espirituais das pessoas. Se atentarmos para a ordem de Jesus aos discípulos, o número de interessados aumentaria.

II. UM LUGAR ONDE OS OLHARES SÃO CHEIOS DE COMPAIXÃO SERÁ UM AMBIENTE ACOLHEDOR A TODO PECADOR – Mateus 14:14, 16

1. Se amarmos como Jesus amava, mais pessoas estariam conosco na igreja. A compaixão de Jesus atraia as pessoas a Ele, se essa compaixão estiver regendo nossa vida, Seu trabalho continuará em nossa geração.
2. Se agirmos como Jesus agia atrairemos muitas pessoas aos nossos cultos, teríamos os templos lotados a tal ponto de procurar um lugar maior em meio à natureza que não está limitada com paredes.
3. Se tivermos o mesmo sentimento compassivo de Cristo o resultado de nossas ações seriam maiores, impactaríamos o mundo com o amor sobrenatural de Cristo em nossos gestos mais simples.

III. AS PESSOAS APRECIAM OS LUGARES ONDE TEM GENTE QUE REALMENTE SE IMPORTA COM ELAS – Mateus 14:13-16

Sem caixa de som, sem banda musical, sem brindes, sem palco ou salão aconchegante, sem tecnologia as pessoas afluíam em grande número por longas distâncias para ouvir Jesus... Por que Ele teve tanto sucesso com as pessoas?

1. Em primeiro lugar, Jesus estabelecia relacionamentos.
2. Em segundo lugar, Jesus criava vínculos.
3. Em terceiro lugar, aprofundava a intimidade.
4. Em quarto lugar, ganhava a confiança das pessoas.
5. Finalmente, convidava Seus amigos para serem Seus discípulos.

“Unicamente os métodos de Cristo trarão verdadeiro êxito ao nos aproximarmos do povo. O salvador se misturava com os homens como uma pessoa que lhes desejava o bem. Manifestava compaixão por eles, ministrava-lhes as necessidades e conquistava-lhes a confiança. Ordenava então: ‘Segue-me’” (Ellen G. White, A Ciência do Bom Viver, p. 143).

CONCLUSÃO: Precisamos aprender a ser cristãos olhando para Cristo, assim aprenderemos a enxergar as pessoas como Ele enxergava...

1. Ver com os olhos de Cristo transforma nosso mundo interior e o mundo das pessoas ao nosso redor.
2. Pequenos gestos de atenção de cada membro da igreja fazem toda a diferença na vida daqueles que entram nesse ambiente de adoração.
3. Amar com o coração de Cristo pulsando no peito de cada um de nós deve ser nosso mais elevado objetivo todos os dias – o dia todo; assim as pessoas virão à igreja a fim de encontrar-se com nosso amoroso, compassivo e Salvador Jesus Cristo.

APELO:

1. Veja as pessoas com os olhos de Jesus.
2. Ame as pessoas com o coração de Jesus.
3. Atraia as pessoas a Jesus com Jesus habitando em teu coração.
Pr. Heber Toth Armí

Postagens mais acessadas nesta semana